segunda-feira, 6 de julho de 2015

REVISTA QUEM COM ANGÉLICA

Revista Quem: Um papo na cozinha de Angélica
























Um papo na cozinha de AngélicaCom um livro de receitas recém-lançado, a apresentadora recebeu a reportagem de QUEM em sua casa, onde falou sobre suas preferências gastronômicas, sua falta de habilidade no fogão e os dotes culinários do marido, o também apresentador Luciano Huck.
Ela é assumidamente uma negação na cozinha, mas na quarta-feira (7) lançará seu primeiro livro de receitas. “Não é surreal que uma pessoa que não sabe cozinhar lance um livro de culinária?”, diverte-se Angélica Ksyvickis, de 34 anos, ao apresentar Cozinha das Estrelas (Editora Globo, 144 páginas, R$ 35), uma coletânea com as receitas de 47 celebridades e chefs de cozinha apresentadas em seu programa Estrelas, exibido aos sábados, às 13h40, na TV Globo. Na publicação, estão pratos variados, como o risoto de beterraba com coalhada seca preparado por Fernanda Lima; a moqueca de siri-mole feita pelo humorista Bussunda, em um restaurante carioca, dois meses antes de sua morte, em 2006; e o ceviche de Saint-Peter, especialidade da atriz Gisele Itié. “Eu comi pra burro e precisava dividir isso com as pessoas, para que elas comam também. Dividir a culpa, na verdade”, diz a apresentadora, que posou para QUEM na cozinha do anexo de sua casa, que funciona como área de lazer da família. Ao ser desafiada a preparar ao menos uma iguaria do livro para a equipe da revista, brincou: “Até faço. Três pratos: entrada, principal e sobremesa. A questão é: vocês vão ter coragem de comer?”





















Na entrevista a seguir, Angélica fala de sua falta de intimidade com as panelas e conta que o marido, Luciano Huck, é quem pilota com facilidade o fogão. Mas ela garante que dá conta de ser uma ótima ajudante.







QUEMO que você sabe cozinhar?
ANGÉLICA KSYVICKIS: Nada (risos). Outro dia me perguntaram qual a minha especialidade na cozinha e eu respondi: comer!

QUEMO seu papel durante a feitura do livro foi comer?
AK: Foi provar e ensinar para as pessoas de casa, porque nas matérias do Estrelas eu vou mostrando as quantidades, os apetrechos. A pessoa vai fazendo e eu vou ajudando. E eu comia mesmo. A matéria acabava, a equipe ficava olhando e eu continuava comendo (risos).
Ele (Luciano Huck, o marido) faz massas muito bem, que é uma outra coisa que eu não comia muito e hoje eu como. Mas só as que ele faz, porque não sou muito de massas. As que ele cozinha são ótimas.

QUEME a dieta?
AK: Na época dessas receitas, eu estava muito magra, então não estava fazendo dieta. Agora até vou começar uma.
QUEMMas você está magra.
AK: Não, faltam ainda 3 quilos. Para qual mulher não faltam 3 quilos? Todas! Varia de 2 a 4 quilos o que toda mulher precisa perder.

QUEMQual é seu prato preferido?
AK: Sou muito fã de legumes, então adoro pratos como suflês que tenham verduras e legumes em geral. Adoro beringela e amo qualquer tipo de peixe. Gosto de badejo, pintado, vermelho, cherne... E como muito salmão, mas sempre de maneiras variadas.

QUEMA idéia do livro foi sua?
AK: Foi. Eu sempre me interessei por comer, gosto de viajar e conhecer restaurantes, apesar de, em casa, ser o Luciano quem cozinha. Ele, sim, coloca a mão na massa de vez em quando.
QUEMAqui na estante de sua cozinha há vários livros de receitas. São do Luciano?
AK: Ah, ele gosta muito. Como o meu gosto sempre foi por pratos mais simples, naturais, nunca me interessei pelo assunto.
QUEMVocê não cozinha, mas, quando o Luciano prepara um prato, você lava a louça?
AK: Nem isso! Mas fico ali dando uma força, dou apoio logístico. Eu pego as coisas para ele, fico servindo o seu copo de vinho. Poxa, isso é importante!
QUEME qual é a especialidade do Luciano?
AK: Ele faz massas muito bem, que é uma outra coisa que eu não comia muito e hoje eu como. Mas só as que ele faz, porque não sou muito de massas. As que ele cozinha são ótimas.

QUEMVocê gostaria de saber cozinhar alguma coisa em especial?
AK: Eu gostaria de saber fazer doces, sobremesas. Porque salada, por exemplo, é fácil, é só pegar um bom tempero... Ah, eu sei fazer um temperinho! Gosto muito de azeites, vinagre balsâmico, aromas, das ervinhas. Dá para misturar tudo e fazer uma coisinha no olhômetro.

QUEME por que gostaria de saber fazer doces?
AK: Eu sou louca por doces, é a minha perdição. E sobremesa é uma coisa difícil. Porque não pode ser muito doce. Hoje em dia, as pessoas estão sempre de dieta, querendo coisas mais light, então gostaria de saber fazer umas sobremesas light, com açúcar mascavo ou natural. Mas saborosas. É isso: preciso aprender a fazer doces, porque daí o Luciano faz a massa e eu, a sobremesa. Vai ficar incrível.

Pizza da família de Bruno Gagliasso
“Vamos combinar que o Bruno não sabia fazer pizza, mas, como ele tem uma pizzaria, a gente acreditou que era bom na história. Nada, é um fanfarrão, sabe tanto quanto eu, ou seja, sabe é comer (risos). Mas eu só descobri isso quando cheguei lá. A pizza ficou toda errada, mas ficou boa porque tinha um pizzaiolo por perto que deu uma forcinha pra gente. Tivemos que editar a matéria, porque a massa grudava em tudo e não deu certo duas vezes. Na verdade, o Bruno aprendeu junto com a gente.”