sexta-feira, 24 de julho de 2015

COMERCIAIS PERDIGÃO E SEARA

Fátima ou Huck e Angélica: quem venderá mais linguiças na TV?

Está deflagrada nova guerra no calórico mercado de alimentícios, com a participação direta de artistas milionários da Globo. Aliás, esse embate fará com que fiquem ainda mais ricos.
De um lado da trincheira gastronômica, Fátima Bernardes, que há um ano é estrela dos comerciais de TV da Seara.
No outro canto, Luciano Huck e Angélica, recém-contratados pela Perdigão (do mesmo grupo proprietário da Sadia) em resposta à visibilidade crescente da marca concorrente.
A dona do ‘Encontro’ protagoniza uma propaganda na qual reitera a imagem de dona de casa de classe média e matriarca dedicada, que prepara delícias culinárias com os produtos que anuncia.
A linguagem usada no comercial de Fátima é testemunhal, ao estilo ‘olho no olho’ do telespectador.
Há tanta credibilidade em seu discurso que a gente quase acredita que Fatinha preparou mesmo todos aqueles vistosos pratos cenográficos.
Já os novos comerciais protagonizados pelo casal 20 (ou 30? Ou 40?) Luciano Huck e Angélica exploram o humor típico das redes sociais.
Inspirados em aplicativos como o Dubsmash, os publicitários colocaram a titular do ‘Estrelas’ e o comandante do ‘Caldeirão’ dublando vozes infantilizadas.
Num dos vídeos, eles discutem se o correto é ‘salsicha’ ou ‘salchicha’. Você pode até não achar graça, mas fica impossível não prestar atenção quando o comercial é exibido.
Fátima ou Huck e Angélica: quem venderá mais mortadela, presunto, linguiça? A única resposta certa é o cachê gordo que os três recebem para estimular nossa fome durante os intervalos comerciais.
Os valores começam em 3 milhões de reais por campanha — para cada um, obviamente. É tanto dinheiro que só de imaginar a gente engorda de raiva.